• Equipe MRinfo

Você sabe quais são os maiores problemas de TI em empresas?

Atualizado: 26 de Jul de 2019


Com o crescimento acelerado da utilização de recursos tecnológicos, é natural a ocorrência de alguns aborrecimentos para as empresas, provocados por falhas em equipamentos, sistemas ou até mesmo mão de obra. A verdade é que nenhuma organização está isenta de sofrer com problemas de TI, embora existam formas de corrigi-los, uma vez descobertos.


É importante destacar que, independentemente do porte ou segmento em que atue, nenhuma empresa está livre de inconvenientes com a tecnologia.


A presença de um departamento interno especializado não garante a eficácia dos recursos, ao mesmo tempo em que uma instituição sem estrutura interna de TI — ou com estrutura reduzida — pode ter seus problemas resolvidos com auxílio de suporte adequado. A chave do sucesso, nesse caso, é dimensionar as necessidades e saber onde buscar ajuda.


Neste post, vamos elencar os problemas de TI mais comuns no mundo corporativo, explicando ainda como saber se sua empresa sofre com sua ocorrência e qual a melhor maneira de resolvê-los. Boa leitura!


Internet lenta


A internet trouxe inúmeros benefícios para as organizações. Maior agilidade nos processos, mobilidade e redução de custos são apenas alguns deles. Atualmente, quase todos os procedimentos são realizados com o uso dos recursos de comunicação.


Por outro lado, essas vantagens trouxeram uma dependência das empresas por conexões rápidas e sempre disponíveis. Os próprios clientes não aceitam que determinados processos demorem mais do que alguns minutos por uma alegada “lentidão na rede”. Nesse contexto, é essencial possuir uma conexão adequada, sob pena de perder espaço no mercado.


Detectar uma internet lenta não é tarefa complicada, uma vez que uma análise simples permite identificar deficiências nesse quesito. A parte mais difícil, aqui, é identificar suas possíveis causas, e isso só pode ser realizado com precisão por pessoal especializado.


De qualquer forma, confirmada a lentidão, a questão que surge é: como resolver esse tipo de problema?


Existem algumas medidas que podem ser tomadas para melhorar, de forma geral, sua conexão: primeiro, é possível implementar um “controle de banda”, ou seja, automatizar a distribuição dos recursos da rede, de forma que atividades prioritárias recebam preferência de uso.


De forma análoga, pode ser feito um controle por máquina ou usuário, com a definição de quanto cada posto de trabalho pode consumir da rede em determinado período.


Outras ações podem envolver a contratação de um link mais robusto, além de redundância de links e/ou balanceamento. Note que, novamente, é preciso algum conhecimento técnico para implementar a solução definitiva.


Falta de backup

As cópias de segurança são um mecanismo essencial para quem gerencia informações de todo tipo. Podemos dizer que a realização de backups é um procedimento básico, quando se fala de recursos de tecnologia da informação.


Ainda assim, são comuns relatos de empresas que “perderam tudo” por falhas em equipamentos ou sistemas. A verdade é que só “perde tudo” quem não dá a devida importância à realização de cópias periódicas dos dados.


As justificativas para não usar esse recurso vão desde a questão financeira até falta de tempo ou pessoal especializado para se dedicar à tarefa. A boa notícia é que as soluções de backup (inclusive na nuvem) estão cada vez mais acessíveis e versáteis.

Ademais, uma consultoria técnica pode ajudá-lo a encontrar a melhor opção para suas necessidades.


Não é necessário muito esforço para identificar esse problema: se você é gestor e desconhece a existência de backups, é porque provavelmente eles não existem.


Para solucionar isso — o que sugerimos que seja feito com urgência —, você mesmo pode começar a implementar uma rotina manual de realização de cópias. No entanto, é recomendável ajuda especializada para uma solução definitiva e profissional.


Negligência com a segurança


Além da ausência de backup, já mencionada e que pode ser classificada como uma falha de segurança, existem outros fatores que denotam o descaso das empresas com esse aspecto da TI.


Com sabemos, o avanço tecnológico proporciona muitas oportunidades também para criminosos de toda ordem. Assim, fraudes e golpes eletrônicos são cada vez mais comuns — e provocam danos crescentes.


Antivírus desatualizados (ou inexistentes), perda de arquivos e informações que “desaparecem” sem explicação são indícios fortes de que a segurança da informação não recebe a devida atenção em sua empresa.


Nesse caso, algumas medidas podem ser tomadas imediatamente, como a contratação e instalação de sistemas de proteção (antivírus, firewall etc.) e a implantação de barreiras, inclusive físicas, para inibir o acesso de pessoas não autorizadas ao ambiente da empresa.


Treinar e orientar os colaboradores sobre a importância dos dados e a necessidade de protegê-los também é uma medida que se mostra eficaz.


Infraestrutura inadequada


Esse é um item que engloba alguns dos outros já mencionados nesse texto. Se sua conexão com a internet é lenta, não possui backup tampouco outros recursos que garantam a segurança das informações, é sinal inequívoco de que sua estrutura de TI não é adequada às necessidades da empresa.


Podemos ir um pouco além: se os sistemas utilizados costumam travar ou apresentar mensagens de erro com frequência, assim como os equipamentos parecem não possuir capacidade de responder às requisições com agilidade e eficiência, a conclusão é que será preciso rever toda a infraestrutura tecnológica.


Não contar com suporte adequado


Pior do que identificar problemas de TI na empresa é não possuir o apoio necessário para uma solução rápida e definitiva. Esse tipo de ocorrência provoca muita frustração e aborrecimento em gestores e clientes, de forma geral.


Para saber se o suporte que sua organização possui é suficiente, basta lembrar das últimas vezes que ocorreu algum problema relacionado à tecnologia. Se você sabia exatamente quem acionar e teve a solução em pouco tempo, sua empresa está bem assessorada nesse sentido.


Se, por outro lado, os serviços ficaram parados por mais tempo que o desejável, causando reclamação e perda de negócios, ou ainda se dependeu da “sorte” para encontrar a solução, é melhor avaliar a contratação de uma consultoria especializada em TI.


Não se trata apenas de resolver problemas, mas evitar que eles ocorram, a partir de uma análise minuciosa do ambiente e de suas necessidades. Em vez de adquirir sistemas e equipamentos sem planejamento, gastando mais e, via de regra, sem o resultado esperado, uma consultoria vai apresentar a solução na medida para o que sua empresa necessita.


Mais do que isso, vai preparar o ambiente de modo que o parque tecnológico possa ser ampliado ou mesmo reduzido a qualquer tempo, sem custos excessivos tampouco desperdício de recursos.


Por fim, em vez de soluções isoladas e pontuais para cada um dos problemas apresentados, uma empresa de consultoria em TI ajuda na hora de identificar, sanar e evitar esses problemas. Tudo isso com um investimento menor e, como bonificação, a eliminação das dores de cabeça causadas pelas preocupações com a tecnologia. Isso se traduz em mais tempo para se dedicar ao negócio.


Neste post, listamos os problemas de TI mais comuns nas empresas, suas causas e possíveis soluções. Gostou do texto? Então, compartilhe nas redes sociais para que seus amigos e colegas também fiquem bem informados!

 

Temos um modelo de contrato ajustado à necessidade da sua empresa, entre em contato,  teremos prazer em atendê-lo.

 Fale Conosco por e-mail, telefone ou formulário .

atendimento@mrinfo.com.br

Tel: (21) 3439-7117  /  (21) 3269-1258

(21)99973-5413

Sede: Av. das Américas 18.500 sala 528

Recreio dos Bandeirantes , Rio de Janeiro

Polos Técnicos: Barra, Pavuna, Realengo e Tijuca